Translate

Store berkekê

segunda-feira, 30 de novembro de 2020

Orfeu Negro 1.959

 Ontem, por acaso, chegou até mim o filme Orfeu Negro, uma adaptação que o diretor Marcel Camus fez da obra de Vinicius de Moraes.  


Ao começo achei outro filme mais dos topicos do Brasil: Carnaval, festa, vagunza, etc. Mas pouco a pouco encontrei a genialidade que uma obra assim merece ter sido reconhecida.


O mito de Orfeu e Euridice é levado com seus topicos a eterna luta da sobrevivência do amor. 


Mais longe que duas das grandes músicas do Brasil de Antonio Carlos Jobim e Luis Bonfá ultrapassen oceanos, culturas, formas de entender a vida; Orfeu Negro soube adaptar de forma inteligente uma das maiores historias que ficaram na mente e nas músicas e operas de muitos compositores, de obras teatrais, de outros filmes e assim vai...


O simbolismo da fantasía da morte, a descida de Orfeu naquilas escadas na procura da falhecida Euridice, o menino mesmo me recorda a Cupido tentando ligar as vidas dos namorados e muitas outras escenas bem trabalhadas.  Nem falar das fotografias e paisagens daquele Río do final dos anos 50. Como ja disse, uma genialidade.


Além disso, Oreu Negro é também um documentario daquele Carnaval louco, espontâneo, dos primeiros ritmos de samba, das escolas como Portela ou Unidos da Babilonia, que realmente existiu no Morro que leva seu nome, da violência policial, do Carnaval da rúa e até daqueles feios predios das primeiras cenas a chegada de Euridice a Río.


Mesmo que aquel Brasil de topicos cada vez está mais longe no tempo, tem muitos brasileiros que não falam muito desse filme nem da sua repercussão. Será que acontece como na Andalusia, onde as vezes o silenço é substituto da vergonha do seu passado. Mas ninguém pode negar nem esquecendo que aquilo foi assim e felizmente mudou, tudo presente é uma conquista que se faz do passado (as vezes).


Marpessa Dawn falheceu na França no ano 2.008. Sua carreira no foi muito longa. E curiosamente o gaucho Breno Melo falheceu o mesmo ano. Coisas da vida.


O filme foi nomeado aos Oscars além doutros premios.


Disponível no youtube


Como ja disse mais duma vez: tristeza não tem fim, felicidade, sim.